Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

IFSP formaliza transferência de tecnologia para Prefeitura de Itapetininga

O município é o segundo a implementar Sistema de Vigilância Sócio-Assistencial (SVSA)

  • Publicado: Sexta, 05 de Junho de 2020, 18h05
  • Última atualização em Quarta, 10 de Junho de 2020, 09h22

O IFSP formalizou um acordo com a prefeitura de Itapetininga para que o município passe a poder utilizar o Sistema de Vigilância Sócio-Assistencial (SVSA). O sistema foi desenvolvido pelo Câmpus Salto, coordenado pelo professor Edson Murakami, em parceria com a Secretaria de Ação Social e Cidadania (SASC) da Prefeitura da Estância Turística de Salto. 

A transferência foi mediada pela Agência de Inovação e Transferência de Tecnologia (Inova — IFSP), que também atuou na formalização do acordo com a prefeitura de Salto. Segundo o diretor do Núcleo de Inovação Tecnológica, Adalton Ozaki, essa é a primeira tecnologia do IFSP que tem o seu segundo licenciamento, apresentando grande potencial para ganhar escala.

A solução automatiza os Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), seguindo todas as normativas e especificações do Ministério da Cidadania. Com a implementação do software, os CRAS do município terão muito mais agilidade, permitindo à secretaria municipal uma gestão centralizada, uma vez que todas as informações são lançadas em um sistema web com banco de dados centralizado.

 A partir do contato da prefeitura municipal de Itapetininga, o diretor do Câmpus, Ragnar Orlando Hammarstrom, entrou em contato com o professor Edson Murakami, do Câmpus Salto, e iniciou os estudos para viabilizar tecnicamente a implantação do software SVSA nos CRASs de Itapetininga; paralelamente, acionou a Inova para auxiliar juridicamente a formalização da parceria.

Ragnar explica que esse é o primeiro acordo de cooperação municipal que envolve as etapas de implantação, treinamento, suporte e manutenção de um software. “Todo esse processo", diz, "só foi possível graças ao projeto de Ensino Fábrica de Software”, que é liderado pelo professor Danilo Bueno, e tem entre seus objetivos o desenvolvimento de aplicativos com utilizações práticas e em paralelo com o desenvolvimento das habilidades dos estudantes do curso técnico em Informática.

A expectativa do Câmpus Itapetininga é, a partir dessa experiência, iniciar o desenvolvimento de outros softwares. Atualmente o câmpus estuda o desenvolvimento de um programa que possa atender às demandas da diretoria de Alimentação da Secretaria de Educação do município.

registrado em:
Fim do conteúdo da página