Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > IFSP tem 13 alunos aprovados para curso de qualificação no Reino Unido
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

IFSP tem 13 alunos aprovados para curso de qualificação no Reino Unido

  • Publicado: Sexta, 27 de Outubro de 2017, 10h15
  • Última atualização em Terça, 31 de Outubro de 2017, 13h41

Treze alunos da área de Turismo do IFSP foram selecionados pelo Programa de Qualificação Internacional do Ministério do Turismo para estudarem por cerca de três meses em faculdades do Reino Unido, em 2018. O Instituto Federal de São Paulo é a instituição de ensino superior com o maior número de participantes.

No total, o programa contemplou 104 estudantes brasileiros matriculados em cursos de bacharelado, licenciatura ou tecnólogo em instituições de ensino superior públicas e privadas. Todos terão os custos de transporte, alimentação, hospedagem e mensalidade cobertos durante o período de estudos na Europa.

Entre os alunos do IFSP selecionados, 12 são do Câmpus São Paulo, e um é do Câmpus Cubatão. São eles: Alana Greco de Almeida, Fernando Cabral Ferraz, Mayara Garcia da Silva, Rina Ricci Cagnacci, Vinícius Curi Fonseca, Mariana Papazian, Lucas Cardoso de Oliveira, Juliana Eyko Yamamoto, João Marcos Vicente de Pádua, Jade Pardo Buck, Gabriel Paulo Alves, Beatriz Mistunaga de  Araújo e Ana Paula da Silva Nogueira.

Cursando a segunda graduação no IFSP, Vinícius Curi conquistou o tão sonhado intercâmbio na City College Plymouth, na Inglaterra. “Fiquei muito feliz com a notícia da seleção. Em 2014, quando cursava Análise e Desenvolvimento de Sistemas no Câmpus Guarulhos, tentei fazer um intercâmbio, mas não deu certo. Agora, no segundo semestre do curso de Tecnologia em Gestão de Turismo, terei essa oportunidade”, comemora o aluno do Câmpus São Paulo.

Assim como Vinícius, Alana Greco de Almeida, também aluna de Turismo do Câmpus São Paulo, viaja pela primeira vez para o exterior e espera que o curso lhe traga um diferencial quando ingressar no mercado de trabalho. “Terei a possibilidade de treinar a língua inglesa e voltar com uma fluência maior, além de estudar conteúdos específicos da minha área. Acredito que isso fará a diferença quando eu me candidatar a uma vaga de emprego que exija o domínio do inglês“, acredita Alana, que embarcará em janeiro para a cidade de Edimburgo, capital escocesa.

Para a coordenadora do curso de Tecnologia em Gestão de Turismo do Câmpus São Paulo, Rafaela Camara Malerba, o grande número de alunos da Instituição aprovados para o programa destaca a importância do IFSP na formação em Turismo e Hospitalidade no Brasil. Ela lembra que também foi fundamental a oportunidade para os estudantes de realizarem o teste de proficiência em língua inglesa Toefl gratuitamente no Instituto Federal.

Gabriel Paulo Alves, aluno do 4º semestre do curso de Gestão em Turismo do Câmpus Cubatão, realizou a prova do Toefl em junho de 2016 no Câmpus São Paulo do IFSP, mesmo não tendo em vista nenhum programa internacional para apresentar o certificado de proficiência em inglês. “O professor Thiago, coordenador do curso de Turismo em Cubatão, nos apresentou o programa e os pré-requisitos. Ano passado eu fiz a prova do Toefl apenas para conhecer o formato do teste, neste ano consultei minha nota e ela era suficiente para eu me candidatar ao edital do PQI”, revela. Gabriel estudará na Newcastle College, na Inglaterra.

Baseada em edições anteriores do Programa de Qualificação Internacional (PQI), a professora Rafaela garante que os alunos retornam do exterior mais motivados e preparados para atuar e empreender no setor. “Posso dizer que eles voltam com outros olhos, com um nível de exigência muito maior em relação à sua própria atuação e a de todo o setor. O efeito multiplicador também é notável. Ao relatar suas experiências e aprendizados, eles motivam seus colegas a buscar qualificação e vivência internacional”, avalia.

Processo de seleção

Os estudantes de Turismo devem ter outras chances de passar por uma experiência internacional. De acordo com Rafaela Malerba, o Ministério do Turismo prevê novas bolsas de estudo no próximo ano.

Os interessados podem se preparar buscando informações sobre o programa. Neste ano, os inscritos deveriam apresentar nota do Exame Nacional do Ensino Médio superior a 600 pontos, proficiência em língua inglesa e ter cursado entre 20% e 80% do curso.

Segundo a estudante Alana, o processo seletivo foi “bastante tranquilo”. “Com certeza esse processo seletivo possibilita a participação de muitas pessoas, basta correr atrás dos documentos necessários”, incentiva.

Programa

O Programa de Qualificação Internacional é uma das ações de capacitação profissional previstas no Plano Brasil Mais Turismo, um pacote de ações do governo federal voltado ao desenvolvimento do setor.

Veja a lista dos estudantes contemplados aqui

Conheça o Programa de Qualificação Internacional aqui.

registrado em:
Fim do conteúdo da página