Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Meu câmpus tem: cultura brasileira para estudantes hispanofalantes
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Meu câmpus tem: cultura brasileira para estudantes hispanofalantes

O projeto de extensão “cultura brasileira para estudantes hispanofalantes” foi iniciado no Câmpus São Paulo em abril de 2017. Entre 6 de maio e 25 de novembro, o câmpus recebeu estudantes de 9 a 13 anos da comunidade boliviana para atividades aos sábados.

  • Publicado: Quinta, 08 de Fevereiro de 2018, 12h37

A ação é uma iniciativa das servidoras técnico-administrativas da reitoria Danielle Yura (jornalista da Assessoria de Comunicação) e Rocio Quispe Yujra (técnica em Contabilidade da Pró-reitoria de Desenvolvimento Institucional), e também contou com outras voluntárias.

Membro da comunidade boliviana e do Coletivo Sí, Yo Puedo!, Rocio se esforça para estreitar as relações entre o Câmpus São Paulo do IFSP e a comunidade hispanofalante desde quando ingressou na Instituição.

O Câmpus São Paulo e a reitoria do Instituto Federal estão instalados em frente à Praça Kantuta, conhecida por sediar, aos domingos, uma feira cultural de imigrantes vindos de diversos países latino-americanos, sobretudo da Bolívia. “Apesar de estarmos tão próximos, essa comunidade está presente em quantidade quase nula dentro do IFSP. Nosso objetivo é contornar esse muro existente entre os moradores do entorno e a Instituição”, explica.

No projeto de cultura brasileira, os bolsistas Julia Soares (licencianda em Geografia) e Sandino Patriota (licenciando em Português) são responsáveis pelas atividades oferecidas aos alunos. Os encontros têm o objetivo de oferecer atividades que promovam e facilitem a apropriação da língua portuguesa e o conhecimento da cultura brasileira. Os conteúdos são trabalhados de maneira lúdica, de modo a se diferenciar da escola tradicional, já frequentada pelos estudantes durante toda a semana.

Além das atividades em sala de aula e no departamento esportivo do Câmpus São Paulo, o projeto proporcionou, em 2017, nove passeios guiados a museus, bibliotecas e centros culturais. “A realidade de muitos deles é ir para a escola e passar o restante do tempo em casa. Os pais trabalham muitas horas por dia e, por vezes, também aos finais de semana. Com pouco tempo, disposição e dinheiro para passear, eles acabam conhecendo uma parte muito pequena da cidade, ficam limitados ao bairro onde vivem. Muitas das crianças visitaram um museu pela primeira vez durante o projeto. Ao conhecer espaços públicos e gratuitos de educação e lazer, as crianças enxergam novas possibilidades e passam a se sentir parte da cidade onde vivem”, aponta Danielle.

Um dos propósitos da ação é apresentar o IFSP como uma possibilidade de formação para esses jovens estudantes. Durante os encontros, os participantes receberam informações sobre os câmpus e cursos oferecidos pelo Instituto e realizaram uma visita guiada às instalações do Câmpus São Paulo. “Depois de visitar o laboratório de edificações, uma das alunas decidiu que quer ser arquiteta. Já os meninos tiveram muito interesse pelos cursos que envolvem robótica”, relata a jornalista.

O projeto é divulgado nas escolas da rede pública da região do Pari e também na página do Facebook do Coletivo Sí Yo Puedo.

 

Envie o vídeo do seu projeto

O programa “O que é que meu câmpus tem?”  apresenta atividades, programas, projetos e pesquisas desenvolvidos nos câmpus do IFSP.
Os alunos interessados em contribuir com o programa podem enviar seus próprios vídeos, que devem ser gravados com a câmera do celular ou uma câmera de filmagem comum. Quando se usa o celular, a gravação deve ser feita com o aparelho na horizontal, usando a câmera traseira ou frontal (modo selfie). Os vídeos gravados com enquadramento vertical não poderão ser considerados.

As pessoas que irão apresentar o projeto devem estar bem próximas à câmera, para que fiquem audíveis. Procure lugares mais reservados, sem a interferência de sons externos (vento, som do evento, barulhos do ambiente).

Ilumine bem a cena, grave a favor da luz. Não utilize o zoom digital, pois prejudica a qualidade do vídeo. Geralmente a duração dos vídeos é de, no máximo, um minuto e meio.

Após gravar o vídeo, faça o upload na nuvem e envie o link com as informações do projeto, nome completo, curso e câmpus para o e-mail meucampustem@ifsp.edu.br. Para o upload do vídeo, você pode escolher a armazenagem da sua preferência. Indicamos, como sugestão, o SendSpace (www.sendspace.com), o Dropbox (https://www.dropbox.com/pt_BR/) e o Google Drive (drive.google.com).

Em caso de dúvidas, contate a Assessoria de Comunicação pelo e-mail meucampustem@ifsp.edu.br

registrado em:
Fim do conteúdo da página