Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Novo presidente do Conif defende arquivamento do PL 11.279

  • Publicado: Quarta, 20 de Fevereiro de 2019, 11h46
  • Última atualização em Quarta, 20 de Fevereiro de 2019, 11h47
Fonte: Conif

“Batalharemos para que seja apresentado um substitutivo que alcance o melhor desfecho para a educação profissional e tecnológica brasileira e para a sociedade”. A declaração foi destaque no primeiro discurso do novo presidente do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif), Jerônimo Rodrigues da Silva, reitor do Instituto Federal de Goiás (IFG), que tomou posse nessa terça-feira, 19/2, em Brasília.

O arquivamento do Projeto de Lei (PL) nº 11.279/2019, que prevê a criação de institutos federais e está em tramitação no Congresso Nacional, foi citado como uma prioridade da Diretoria Executiva que fará a gestão do Conif em 2019. O Conselho se mobiliza para dialogar com os relatores das cinco comissões da Câmara dos Deputados por onde a proposta tramitará antes de ir ao Plenário. “A Diretoria empossada trabalhará pelo arquivamento da proposta encaminhada ao Congresso Nacional no ano passado”, disse. “Nosso objetivo é que todos os entes envolvidos possam participar ativamente dessa articulação”, acrescentou.

Fonte: Conif

 

Tomaram posse como vice-presidentes: os reitores do Instituto Federal do Ceará (IFCE), Virgílio Augusto Sales Araripe (Administrativo); do Instituto Federal Sul-rio-grandense (IFSul), Flávio Luís Barbosa Nunes (Assuntos Acadêmicos); do Instituto Federal do Acre (Ifac), Rosana Cavalcante dos Santos (Relações Parlamentares); e do Instituto Federal do Sul de Minas Gerais (IFSULDEMINAS), Marcelo Bregagnoli (Relações Institucionais).

No mesmo ato, assumiram os novos titulares do Conselho Fiscal, os reitores: Odacir Antonio Zanatta (IFPR); Cláudio Alex Jorge da Rocha (IFPA), Luiz Simão Staszczak (IFMS). E os suplentes, os reitores: Júlio Xandro Heck (IFRS); Jadir José Pela (Ifes); e Aécio José Araújo Passos Duarte (IF Baiano).

Cerimônia – A solenidade, transmitida ao vivo pelo Facebook do Conif e traduzida em Língua Brasileira de Sinais (Libras), contou com a presença de reitores, diretores e servidores dos IFs, dirigentes do Ministério da Educação (MEC), além de parlamentares, embaixadores, representantes de instituições parceiras nacionais e internacionais.

O reitor do Instituto Federal do Triângulo Mineiro (IFTM), Roberto Gil Rodrigues Almeida, que encerrou o mandato, falou com saudosismo de sua gestão e desejou sucesso aos colegas. “Meu sentimento é o de dever cumprido. Agradeço a todos e desejo que a nova Diretoria tenha êxito”, declarou.

Setec – Diálogo e cooperação nortearam as palavras do secretário de Educação Profissional e Tecnológica do MEC, Alexandro Ferreira de Souza. “Do Conif, nós da Setec, esperamos abertura para diálogo e colaboração. Não temos dúvidas da experiência e excelência do modelo educacional da Rede Federal, por isso, contaremos com essa qualificação para enfrentar os desafios que estão a caminho. A educação profissional e tecnológica é o caminho para recuperar a produção de conhecimento dentro das escolas brasileiras”, afirmou.

Congresso Nacional – Representando o Poder Legislativo, o senador Carlos Viana (MG) anunciou que vai apoiar os projetos estratégicos para os 38 institutos federais, dois Centros Federais de Educação Profissional e Tecnológica (Cefets) e o Colégio Pedro II.

Fonte: Conif

 

Prêmio Conif de Jornalismo – Divulgado no início deste mês, a primeira edição do Prêmio ganhou destaque na solenidade. O coordenador da premiação, o assessor de Comunicação Social do Instituto Federal do Mato Grosso do Sul (IFMS), Vinícius Bazenga, ressaltou a primazia das reportagens vencedoras. “Nas categorias impresso, rádio, televisão e internet, os profissionais mostraram o ‘bom jornalismo’, ao evidenciar adequadamente a missão e o trabalho da Rede. O prêmio é resultado da dedicação e comprometimento dos comunicadores de todas as instituições e também dos colegas da imprensa”, falou.

Atração cultural – A abertura da cerimônia coube ao grupo de choro do campus Goiânia do Instituto Federal de Goiás (IFG). Há cinco anos, eles se dedicam ao estudo e à performance da música popular brasileira. O professor Lamartine Tavares, e os estudantes Gilvane Morais, Marcos Almeida, Gabriel Vieira, Brenno Menezes e Alan Costa tocaram composições de Pixinguinha, Joaquim Calado, Jacob do Bandolim e Ernesto Nazareth.

 

Veja aqui outras questões citadas pelo presidente do Conif:

Recursos públicos – “Nosso plano de ação inclui a ampliação de recursos financeiros suficientes para assegurar as atividades dos 38 institutos federais, dois Cefets e o Colégio Pedro II – atualmente com 659 unidades, mais de um milhão de estudantes e cerca de 80 mil servidores. Envidaremos todos os esforços para que os campi passem a ter a infraestrutura necessária e continuem atendendo a atual demanda com excelência, garantindo a oferta de novas vagas e cursos.”

Pauta extensa – “Também estão em pauta a expansão de parcerias nacionais e internacionais; a criação do Observatório da Rede Federal; o aperfeiçoamento da comunicação; o estabelecimento de uma relação mais próxima entre o Conif, a sociedade, o Poder Executivo e o Congresso Nacional.”

Gestão de 2019 – “Este ano será muito significativo. O Conif completa uma década e comemoramos os 110 anos da Educação Profissional no Brasil, sendo a Rede Federal, em suas diversas configurações, a grande protagonista dessa história centenária, iniciada em 1909 com a criação das escolas de aprendizes artífices. Estamos disponíveis e dispostos a enfrentar desafios, pois somos convictos de que qualquer objetivo só é possível se tivermos foco, atitude e perseverança. Assim, agradecemos à Diretoria que encerra seu mandato e assumimos o compromisso de dar continuidade ao trabalho realizado no decorrer de 2018, ao lado de todos os dirigentes, servidores, estudantes e parceiros da Rede Federal.”

Fonte: Bárbara BomfimAssessoria de Comunicação Conif

registrado em:
Fim do conteúdo da página