Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

PRX leva alunos a cinema para assistir a documentário sobre eleição estudantil

  • Publicado: Quarta, 08 de Maio de 2019, 18h00

Durante o mês de abril, cerca de 250 estudantes do IFSP estiveram no Espaço Itaú de Cinema, em São Paulo, para assistir ao documentário Eleições, da diretora Alice Riff. O convite partiu da equipe do filme, e a ida dos alunos foi organizada pela pró-reitoria de Extensão. Como os ingressos eram limitados, foi possível contemplar alunos de três câmpus — os três primeiros a manifestar interesse: Jundiaí, Piracicaba e Hortolândia.

Animados com a experiência de assistir a uma sessão de cinema em São Paulo, os estudantes gostaram bastante do documentário, que conta a história da corrida eleitoral para o grêmio estudantil de uma escola da capital paulista. Após a exibição do filme, os participantes puderam interagir com a diretora, fazendo perguntas sobre o processo de filmagem, o processo eleitoral de escolha das chapas, o contexto em que o documentário foi gravado e os patrocínios.

Para Eduardo Rocha, um dos estudantes do Câmpus Piracibaca que participaram da sessão, a ideia de vir a São Paulo e poder fazer um bate-papo com a diretora do filme foi muito legal.  “Achei interessantíssimo o fato de ela ter feito ciência sociais e ter seguido no ramo do cinema. Ela tem potencial de produzir excelentes filmes que tragam as questões sociais em discussão no nosso país”, diz. De acordo com Eduardo, o longa lhe permitiu observar como os alunos trabalham, como se expressam e se organizam para uma eleição de representatividade coletiva, consciência que, segundo ele, está em falta em nosso país.

 A pedagoga do Câmpus Hortolândia Caroline Jango, que acompanhou os alunos ao cinema, afirma que a atividade foi muito rica, uma vez que o enredo do documentário se aproxima muito da realidade dos nossos estudantes. Para ela, os assuntos abordados no filme são atuais, possibilitando uma reflexão que está diretamente atrelada aos conteúdos das aulas de sociologia, filosofia e história. “O debate viabilizado após a exibição possibilitou a problematização da realidade e a construção de pensamento crítico. Considero que parcerias dessa natureza são um diferencial na formação profissional e humana de nossos estudantes.”

Em entrevista ao G1, a diretora Alice Riff contou que a ideia do documentário surgiu quando, nas últimas eleições, saíram dados que chamaram a atenção em relação à desconexão do jovem com a política. Segundo ela, os dados mostravam que são altas as porcentagens de jovens votando nulo e branco, que não veem a diferença entre esquerda e direita, que não se veem representados em partidos políticos. A partir disso, “pensei em estar em um ano eleitoral, dentro de uma escola, acompanhando uma eleição cujos protagonistas são jovens, negros, negras, a comunidade LGBT. Uma eleição 100% protagonizada por quem está fora do Congresso Nacional", disse a diretora.

 Câmpus podem exibir documentário por meio de plataforma

Os câmpus que não conseguiram levar os alunos ao cinema em São Paulo podem organizar uma sessão de exibição do documentário no próprio câmpus, por meio da plataforma Videocamp.

Guarulhos foi o primeiro a utilizar a plataforma. Cerca de 40 estudantes puderam assistir ao filme “Eleições” e conversar com a diretora do filme após a exibição do documentário, tudo por meio da Videocamp.

Assim como Guarulhos, qualquer câmpus interessado pode realizar sessões de cinema gratuitamente pela plataforma . Em caso de dúvidas, é só entrar em contato com a PRX por meio do e-mail 

 Videocamp - é uma plataforma que reúne filmes de impacto disponíveis para exibições públicas gratuitas — basta reunir cinco pessoas para poder assistir. Filmes de impacto são aqueles que apontam causas urgentes, que retratam situações que precisam ser destacadas, que ampliam o nosso olhar para temas sensíveis e que, sobretudo, promovem um mundo mais justo, solidário, sustentável e plural.

 

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página