Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Aluno do IFSP é premiado em desafio de programação

Estudante desenvolveu uma solução visando ao bem-estar dos caminhoneiros

  • Publicado: Terça, 21 de Julho de 2020, 11h40
  • Última atualização em Terça, 21 de Julho de 2020, 18h03

Fábio Cardoso, aluno do curso de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas do Câmpus Capivari, participou da equipe que teve o projeto premiado em um desafio de programação (hackathon) da concessionária de infraestrutura CCR que contou com sete mil inscritos. 

O desafio reuniu ideias para a rotina dos caminhoneiros, visando a soluções para melhorar a qualidade de vida nas estradas, principalmente nas dimensões física e mental desses profissionais. Os sete mil participantes do hackathon formaram 550 equipes. Após 56 horas de trabalho, os participantes entregaram 330 projetos.

O estudante do 3º ano do curso de tecnologia do IFSP destaca que o tempo foi a principal dificuldade do grupo, formado também por Dieimerson Vieira, Cristiane Silva, André Vinicius e Igor Junio. A equipe  apresentou a solução tecnológica “Bem no Caminho”, baseada em um conjunto de estratégias para estimular uma vida mais saudável aos caminhoneiros. 

Os participantes entrevistaram 40 caminhoneiros, os quais apontaram a falta de pontos de parada seguros para descanso com infraestrutura para atividades físicas, alimentação e interação social. 

Foram reunidas na solução diversas funcionalidades, como rotas de viagem, sugestões de parada e botão de emergência. Na opção “cuidar da minha saúde”, o usuário interage com uma tecnologia de leitura de movimentos para se exercitar nas paradas. Com o objetivo de reforçar os laços sociais com familiares e amigos, a tecnologia oferece a possibilidade de compartilhar fotos durante a viagem. 

A terceira colocação entre 330 projetos foi comemorada pelos membros do grupo. “Ficamos muito felizes e satisfeitos, pois trabalhamos muito e o projeto ficou bem estruturado, os mentores falaram muito bem da estrutura que desenvolvemos”, revela Fábio.

Ele destaca que o IFSP teve papel fundamental nessa conquista. “Acredito que tudo se resume aos professores e à qualidade do ensino do Câmpus Capivari.” 

A equipe recebeu, como premiação, o valor de R$ 30 mil reais, que foi dividido entre os participantes. De olho no futuro, Fábio vai utilizar o dinheiro para melhorar suas ferramentas de trabalho para os próximos projetos. 

Saiba mais sobre o aplicativo aqui

Saiba mais sobre o desafio aqui

registrado em:
Fim do conteúdo da página