Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Veja o resultado da enquete realizada com servidores sobre a possível divisão do IFSP

O IFSP divulga hoje, 24, o resultado da enquete lançada pela reitoria neste mês de abril sobre uma possível divisão do Instituto Federal de São Paulo. A enquete foi respondida por 1.658 servidores, o que equivale quase a metade do quadro total do IFSP.

  • Publicado: Sexta, 20 de Abril de 2018, 17h32
  • Última atualização em Terça, 24 de Abril de 2018, 16h54

Veja os números nos gráficos abaixo:

Pergunta 1

Pergunta 2

Quando a pergunta não considera a participação da comunidade do IFSP nas discussões sobre a divisão, os participantes se posicionam da seguinte forma: 56,27% se manifestam contra à ação do governo; 23,40% se manifestam favoravelmente; 18,64% afirmam não conseguir dar uma opinião sem mais informações; 1,69% opta por enviar a enquete sem nenhuma resposta.

Já quando a participação da comunidade é considerada, os percentuais se invertem: 47,53% passam a ser favoráveis à ação do governo; 29,19% se manifestam contrariamente; 21,29% dizem não ter uma opinião sem mais informações; 1,99% opta por não responder a esse questionamento.

Ao responder às duas primeiras perguntas, o servidor também teve a possibilidade de enviar comentários. Na primeira pergunta, 75,39% dos participantes, o que equivale a 1.250 servidores, preferiram responder à pergunta de forma objetiva. Os outros 408 (24,61%) optaram por enviar as respostas acompanhadas por comentários. Quanto à segunda pergunta, 79,43% dos participantes, ou seja, 1.317 servidores, deram sua resposta sem enviar comentários, enquanto 20,57% os enviaram.

Um terceiro questionamento feito pela enquete é se haveria um cenário que fizesse com que as respostas fossem diferentes. Se a resposta fosse “sim”, solicitava-se que os servidores explicassem as características desse cenário. Aqui, 74.85% dos servidores (1.241) optaram por não explicar, e 25,15% dos servidores (417) enviaram explicações.

 

Contexto - Há uma proposta, transmitida extraoficialmente pelo MEC à reitoria, segundo a qual o Instituto Federal de São Paulo será dividido em mais duas reitorias. O estado ficaria com três IFs, entre os quais seriam distribuídos os câmpus hoje existentes.

O reitor Eduardo Modena fez um vídeo, divulgado em 26 de março, explicando toda a situação. Assista aqui.

No dia 17 de abril, o Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif) emitiu uma nota em defesa da consolidação das unidades já existentes da Rede Federal de Ensino. Leia aqui.  

Veja também o ofício da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) enviado ao Conif, em 20 de abril, sobre eventuais alterações no arranjo estrutural das instituições que compõem a Rede Federal. Acesse aqui

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página